Meu Rincão

Minha terra não é de todos;
Apenas de quem a ama!
Minha terra não tem tudo;
Apenas o essencial!
Minha terra não tem pressa;
Mas, às vezes, corre!
Minha terra não é grande;
Apenas suficiente!
Minha terra é rica:
Cultura, vanguarda, tradição...
Minha terra perfeita? É, não!
É quase humana, mãe!
É mutante:
Cinzenta , estorricada,
De repente, verde, encharcada!
É sensível, persistente, alegre...
Minha terra enche-me de saudade
Sua água revigora-me
É renovação!
São, do Sabugi,
João.

PR_SJS

domingo, 14 de fevereiro de 2010

Oh saudade danada!

Meu Sertão do Sabugi...

Só pra matar um pouquinha a saudade...

Se não fosse a "troca" da letra "S" por "C", a letra da música seria perfeita:

"Eu vou embora

Já não fico mais aqui

Vou lá pra minha terra

No Sertão do Cabugi!"

Um comentário: